Passageiros!

Passageiros (Passengers, 2016) conta a história de Jim Preston (Chris Pratt) e Aurora Lane (Jennifer Lawrence), duas pessoas que acabam acordando da hibernação 90 anos antes da nave chegar ao destino final. Eles precisam lidar com essa situação, mas parece que a nave também possui sérios problemas. Será que eles vão conseguir achar uma solução para o caso?

A película é de 2016, mas só começou ao Brasil no início desse mês. Eu estava querendo assistir esse longa, pois esse tipo de tema me deixa bem animada. Honestamente, eu adoro filmes que mostram essa questão da sobrevivência em um lugar inóspito, como Interestelar Perdido em Marte. Eu gosto do desafio que o homem tem ao ser inserido em situações adversas e como ele tenta usar sua mente para sair do problema. Entretanto, Passageiros possui um roteiro bem raso e não tem comparação com os filmes de Christopher Nolan ou Ridley Scott. Não me entendam mal, eu gostei do longa, ele é interessante, engraçado, possui uma fotografia excelente e bons atores, mas não possui a profundidade que eu esperava.

Contamos com presença de Chris Pratt, Jennifer Lawrence, Michael Sheen, Laurence Fishburne e uma pitada de Andy Garcia. Esse time de atores foi muito bem escolhido. Eu estou muito feliz com a forma como Chris Pratt tem crescido nesses últimos anos. Eu lembro dele em Noivas em Guerra (2009) e de lá para cá tenho ficado muito animada com o seu desempenho nas telonas.

O diretor do longa é Morten Tyldum, que também dirigiu O Jogo da Imitação (2014). Como roteirista temos Jon Spaiths, que também trabalhou no roteiro de Prometheus  (2012) e Doutor Estranho (2016). 

Resumindo, o filme é bom, mas não é nada demais. Só vale a pena ir ao cinema por causa da fotografia, que fica melhor numa telona. Tirando isso, você pode esperar para assistir no conforto do seu sofá.

Nota:

Desejo a todos um bom filme e muita pipoca!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *