Pixels!

Pixels (2015) conta a história de Sam Brenner (Adam Sandler), um homem simples, que precisa usar toda a sua habilidade em jogos dos anos 80 para salvar a Terra de um ataque alienígena.

O que falar sobre esse filme? Eu realmente não esperava muito dele e ele atendeu as minhas expectativas. O diretor do longa é bom como vocês vão ver mais abaixo, mas o roteiro foi fraco demais. Deixa eu explicar melhor: eles pegaram uma história simples, um roteiro simples e introduziram a temática dos jogos dos anos 80. Isso pode ter gerado uma certa nostalgia, porque você vê rolando na tela os videogames que marcaram uma época, no entanto o filme em si não é muito bom. Adam Sandler ainda consegue tirar algumas risadas do público, mas, sinceramente, eu acho que ele já deu o que tinha que dar, ele é engraçado, mas nunca foi um bom ator e os últimos filmes dele foram péssimos.

Como elenco nós temos Adam Sandler, Michelle Monaghan, Kevin James, Peter Dinklage, Sean Bean, Josh Gad, Brian Cox e Dan Aykroyd. Pra mim, quem mais se destacou no longa foi o ator Josh Gad, pois teve uma boa interpretação e conseguiu se destacar nas melhores cenas. Um fato curioso é que o criador do Pac Man fez uma participação no filme, no entanto ele não era o Professor Iwatani, quem fez esse papel foi o ator Denis Akiyama, o criador do Pac Man estava escondido em algum cantinho que eu não vi.

O diretor do longa é Chris Columbus, que possui em seu currículo filmes impressionantes como os dois primeiros filmes da sequência de Esqueceram de Mim, Uma Babá Quase Perfeita, O Homem Bicentenário, Lado a Lado, os dois primeiros filmes da saga Harry Potter e Percy Jackson e o Ladrão de Raios. E ele ainda trabalhou como roteirista de Goonies.

Resumindo, o filme diverte em alguns momentos, no entanto a história em si é bem fraca. O longa não é ruim, mas você poderia gastar seu tempo vendo outros bem mais interessantes.

Nota:star_rating_fullstar_rating_halfstar_rating_emptystar_rating_emptystar_rating_empty

Desejo a todos um outro filme e muita pipoca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *