Amor Além da Vida!

Amor Além da Vida (What Dreams Make Come, 1998) conta a história de Chris Nielsen (Robin Williams)  e Annie (Annabella Sciorra), um casal que precisa lidar com a morte dos dois filhos. Eles estão tentando recomeçar a vida, mas um evento inesperado acaba trazendo mais dor e tristeza, como eles vão conseguir lidar com tudo isso? E até onde o amor pode nos levar?

Eu resolvi escrever sobre esse filme, porque gosto muito dele, só que eu resolvi fazer uma sinopse mais sucinta e mais genérica, porque se eu falasse mais, qual seria a graça de assistir ao filme? Eu vi uma sinopse que contava tudo, todos os acontecimentos importantes, achei isso uma indecência, porque acaba com o mistério e você já espera por todos os fatos!

O longa em questão é um drama muito bonito, não só porque ele trata da morte de uma forma poética, mas porque ele mostra como a falta de uma pessoa pode ser sentida de maneiras tão diferentes. Nós temos na nossa mente uma ideia de como tal fato pode nos afetar e esperamos que as outras pessoas sintam na mesma intensidade que você, mas nos surpreendemos quando nos deparamos com reações inimagináveis. A ausência temporária ou permanente do outro pode nos transformar de um jeito impressionante, mexendo com aquilo que acreditamos e testando nossa própria sanidade em relação aos fatos que estão se descortinando sob nosso olhos. Temos que ter paciência, principalmente para perceber que aqueles que ficaram precisam de todo o nosso carinho e amor.

O filme mescla conceitos espíritas e mostra que existe algo após a morte, mas de uma forma totalmente diferente. Céu e inferno não existem da forma que imaginamos desde nossa infância, o longa retrata um céu criado e transformado por nossos conceitos e pensamentos, por aquilo que acreditamos, assim como o inferno seria uma consequência de nossos atos, nós criaríamos nossa própria prisão, nosso inferno pessoal.

Temos a presença de Robin Williams, Cuba Gooding Jr. e Annabella Sciorra, todos eles com uma atuação maravilhosa. Fico muito triste em pensar que perdemos nosso querido Robin Williams no ano passado. Ele era um grande ator que fez filmes incríveis como Sociedade dos Poetas Mortos, Gênio Indomável, Patch Adams: O Amor é Contagioso, The Birdcage: A Gaiola das Loucas, Tempo de Despertar, entre tantos outros.

O diretor do longa é Vicent Ward, que por incrível pareça tem um currículo cinematográfico completamente desconhecido. Não adianta mentir, o fato é que eu nunca vi nenhum outro filme que ele tenha dirigido. No entanto, ele participou como escritor do roteiro de Alien 3 ( que por coincidência eu também não vi!).

Resumindo, o filme é bem dramático, mas é muito bom e lindo demais!Vale a pena assistir, isso eu posso garantir e se você for uma pessoa que chora fácil, então leve uma caixinha de lenços só pra garantir.

Nota:star_rating_fullstar_rating_fullstar_rating_fullstar_rating_halfstar_rating_empty

Desejo a todos um bom filme e muita pipoca!!!!

Obs: O trailer está em inglês e sem legenda.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *