O Poderoso Chefão (Uma Proposta Irrecusável!!!!!!!!)

Quando se trata de filmes clássicos, precisamos ficar atentos a um fato: Se você está acostumado a ver filmes atuais, então você pode encontrar certa dificuldade ou impaciência com os mais antigos, pois eles são mais comedidos no começo e a trama demora um pouco mais para se desenrolar. Uma boa dica para assistir filmes antigos é tentar contextualizá-lo com base na época de sua criação.

O Poderoso Chefão (The Godfather) estreiou em 1972 e é um dos filmes clássicos que eu mais gosto. Já tinha colocado vários outros filmes mafiosos para o meu marido ver, mas o Poderoso chefão ainda não. Bem, quando coloquei, ele não aguentou os quase quarenta minutos iniciais do casamento da filha do Don Corleone. Ele não teve a menor paciência.

No início do filme você deve se sentir honrado por ser um dos convidados daquela grande festa da Família Corleone. Uma típica comemoração italiana. Tome uma taça de vinho e venha conhecer a Família. Marlon Brando, Al Pacino, James Caan, Robert Duvall, dentre outros, fazem parte de um grande time que foi escalado para participar dessa grande lenda cinematográfica, dirigido por Francis Ford Coppola, que ainda produziu a sequência do Poderoso Chefão, bem como  “Apocalypse Now”, “Drácula de Bram Stoker”, “O Homem que Fazia Chover”, entre outros.

O filme é baseado no livro homônimo do escritor Mario Puzo. Homens que seriam considerados à margem da lei são apresentados com toda a sua honra e glória, o que despertar uma atração muito grande para essa vida emocionante. É dificil resistir ao impulso de pegar uma pistola e participar dessa família!

Prostituição, jogos e bebidas, o que mais poderia se esperar? E é sobre isso que o filme trata, da inserção dos narcóticos e afins nos negócios da máfia. Mas entenda, Vito, ou melhor, Don Corleone é um cara tranquilo que quer ficar nos negócios de sempre. Nesse exato momento começa uma reviravolta entre as famílias mafiosas, como alguém influente como ele vai ficar fora de algo que parece tão lucrativo? As outras famílias querem entrar nesse novo negócio, mas para isso eles também precisam da influência dele. E aí temos problemas, muitos problemas!!!!

Essa é a trama básica do filme, e ela vai te envolvendo, muitos vão acordando com os peixes e você vai ficando cada vez mais preso nesse mundo e pronto acaba se apaixonando.  Você ainda vai perceber que muitas cenas, frases e referências famosas foram extraídas desse filme. Bem, meu marido viu depois de muitas semanas o resto do dele, mas tive que pular o casamento, um dia eu ainda consigo convencê-lo a ver O Poderoso Chefão II, tudo a seu tempo!

O que eu sempre vou dizer ao longo dos posts é que independente de uma crítica boa ou ruim, se o filme te interessou, veja e tire suas próprias conclusões. Quantas vezes vi filmes só porque o “bonequinho” odiou. Sou do contra e me surpreendi várias vezes com filmes que eu acabei gostando. Crítica é uma sugestão e não uma sentença.

Ahhh! Não se esqueça, não é porque o filme é um clássico que você é obrigado a ver. Nem todo mundo aguenta “E o Vento Levou” ou a cantoria de “A Noviça Rebelde”. Estabeleça seus próprios limites, mas mantenha uma mente aberta, pois muitas vezes você pode se deparar com algo simplesmente majestoso.

Nota:star_rating_fullstar_rating_fullstar_rating_fullstar_rating_fullstar_rating_full

Deixo para vocês um pequeno aperitivo, a primeira cena do Filme:

2 comentários

  1. Danielle Vital da Costa disse:

    Esse é o melhor filme que já fizeram!
    Enredo impecável, atuações magníficas, cenários exuberantes. Impossível não admirar o trabalho de Coppola e companhia!

  2. Tati Vieira disse:

    Verdade, por isso que eu amo esse filme!!! Obrigada pelo comentário!!! Beijos Dani!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *